Seguir por Email

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Judaísmo - Mãe e Pai é Sagrado truta! Suaaave?


                                       
Há uma pá de tempo atrás, um dos rabinu mais irado, que se chamava Yehoshua, um tiozinho muito cabeça, gente fina e cheio de atitude tava meio grilado, por que ele tava sendo perseguido por um sonho muito sinistro.
É que toda noite, quando começava puxar um ronco, o rabino ouvia uma voz, mas não era uma voz normal, era tipo aquelas voz de cinema, com eco e tudo mais. Era sombrio, truta!
E sabe o que a voz dizia?


“Aeh rabino, quando cê apagar, tú vai ficar no paraíso junto com um Açougueiro chamado Nanas”.
Sei La Brow, eu até que dou uma confiança pra esses lance de sonho...
Aí! Depois de ter o mesmo sonho umas quatro vez, o rabinu se enfastiou e foi procurar o tal do Nanas. Ele ficou meio desamparado, por que parecia que o sonho era uma bronca... Fala sério meu irmão: Dizê que um mano ponta firme desses vai ficá do lado de um vendedô de frango quando chegá no paraíso... Mano! Só se for pra comê churrasco...


Mas vai sabê né? E se o tal do Nanas fosse um sábio que nem o rabinu?
Depois de rodá muito nas quebrada, o rabinu encontrou o Nanas num açougue e a esperança de que o cara fosse um sábio viro pó, por que logo deu pra vê que o mané era torto das idéia.
Depois de uns minuto o Nanas vazô do açougue pra dá uns rolê e o rabino fico na cola do vacilão pra vê o que ele ia fazê: O Nanas andando e o rabinu seguindo. Aí o rapaz entro num barraco, e o rabinu ficou de fora só de olho.


Cê tinha que vê Brow! Deu uns minuto e ozóio do rabinu começo a vazá! O véio fico mó emocionado!
E sabe por que? É que ele viu que La dentro da casa tava rolando mó ação! É que o Nanas tava cozinhando, dando de comê, lavando as loça... Tudu pros véio dele, Brow... Aí já viu né? O rabinu se tocou que o Nanas tambem era ponta firme e que ficá do lado dele no paraíso não era motivo de crise nao.
Aí foi só alegria, né? Quando o Nanas saiu do barraco o rabinu foi La, deu um abraço nele e mando a seguinte letra:


-“Suave Brow? Te vejo La do outro lado!”
-O Nanas não entendeu nada. Achô que o Rabinu era noiado e vazô.
O rabinu, contando essa parada pa nóis mais tarde, insinô que mais importante do que o cara sê sabido e cheio das idéia é respeitá os outro ser humano e principalmente os pais, por que pai e mãe é sagrado.... Certo?


Se liga aí no quinto mandamento Truta!!!
É nóis firme na Torah mano!!!
Té mais aí  Te vejo nas quebrada!



Fonte: "Seder Hadorot"
Suave? Mano Ventura!
Judaísmo é é é Atituuuude!
Um abraço especial pro mano Guigo Sipam! Rep de primeira!

5 comentários:

SamiCyt disse...

Muito boa historia! Essa atitude é o caminho para um mundo melhor, amor e respeito sempre!
Shkoiach!

SamiCyt disse...

Amor e respeito para fazer um mundo perfeito!
Shkoiach!

Anônimo disse...

Ventura,suas histórias são muito boaas, mas essa vez ela tembém foi, mas eu não consegui entender nada com essas girias, não acho q ficou legal, mas mesmo assim parabéns pelo seu trabalho!

Guigo disse...

Liguagem urbana..histórias urbanas..é os manos também tem fé. Uma Satisfação enorme meu parceiro More. Guigo,integrante do S.I.P.A.M.,narrador urbano e profeta de fone de ouvido..rua,mundo,universo,assim sou eu.De sangue judeu,perseguido já nascido nem por isso corrompido. As ruas pedem fé..Satisfação total!!
Shalom !!!

Guigo disse...

Liguagem urbana..histórias urbanas..é os manos também tem fé. Uma Satisfação enorme meu parceiro More. Guigo,integrante do S.I.P.A.M.,narrador urbano e profeta de fone de ouvido..rua,mundo,universo,assim sou eu.De sangue judeu,perseguido já nascido nem por isso corrompido. As ruas pedem fé..Satisfação total!!
Shalom !!!