Seguir por Email

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Judaísmo - Arrogância Após A Morte?



-Eu não fico nesta espelunca por nem mais um minuto!

-Mas senhor...

-Cala a tua boca mocinha! Não vou responder mais as suas questões. Minha secretária já fez o meu cadastro pelo site do hotel na semana passada. Alem disso, como é que uma ignorante como você, que deve viver colada numa televisão, vem me perguntar sobre meu trabalho?

-Desculpe-me senhor. Este questionário faz parte da ficha cadastral do hotel.

-Você não assiste Tv? Não lê colunas sociais? Não lê a revista Caras?

-Assisto, sim senhor, mas...

-È óbvio que está fingindo que não me conhece para que eu me sinta um Zé povinho como você, que só pode ser uma favelada semi-analfabeta, daquelas que fazem churrasco na laje e... Sabe de uma coisa? Eu não vou mais ficar aqui batendo boca com você.  Isto está me fazendo mal e sofro do coração. A partir deste momento eu só falo com o dono deste cortiço. Vou pedir para ele te mandar embora!

-Por favor, senhor, eu não fiz nada de errado. Se reclamar com o dono do hotel eu posso perder o meu emprego. Tenha piedade, o meu marido é cego e eu sustento ele e meus quatro filhos, um deles é tetraplégico e...

-Isto não é problema meu, mocinha! Três mendiguinhos a mais não farão diferença nenhuma e alem disso, se o tal do tetraplégico morrer... Vai ! Anda! Chame o proprietário. Estou muito nervoso, meu coração está acelerado e eu ...esto...est..

-O senhor está bem?
-Senhor? Senhor?

-Eu n~...

-Senhor?

-Rápido! Chamem a enfermeira! Chamem a ambulância!


Meio minuto depois

-Nome? Idade?

-Eu já disse que não respondo mais nada! Quero falar com o proprietário. Vocês quase me fizeram morrer de tão nervoso, mas eu já melhorei. Estou me sentindo muito leve e disposto, parece até que estou flutuando. Não vou ceder. Chamem o dono agora!

-Mas o senhor acabou de chegar aqui. O que foi que aprendeu em sua vida, hein?

-Como?! Acabei de chegar? Já estou aqui há uns quarenta minutos e... ei! O que está acontecendo? De onde vem este vapor? Não estou enxergando nada! Isso é ridículo! Agora este lixo de recepção está parecendo uma sauna! Chamem o dono agooooooooora!!!

Em menos de um segundo:

-Pois não, senhor? Sou o proprietário. Pode me responder somente uma pergunta? Prometo que será a última.

-Se me jurar que vai expulsar a recepcionista que me desprezou, eu responderei.

-Depois conversaremos sobre isso, ok ? Só me responda a seguinte pergunta: O que o senhor fez da sua vida?

-O que? Também vai querer me humilhar? Também vai fingir que não me conhece? Sou uma celebridade!

-Calma senhor! Eu sei o que o senhor FAZ. Sei que o senhor é muito rico e famoso, mas eu estou lhe perguntando outra coisa. Quero que me conte o que FEZ da sua vida. Quero saber a sua história.

-Ah... Agora a coisa mudou de figura. Se o senhor quer conhecer a minha história, então é diferente. Esta é uma pergunta de admirador, de fã. Pois bem, eu vou lhe contar, mas antes disso me diga por que tem tanto vapor por aqui e também o porquê de a iluminação estar tão forte, não consigo nem te enxergar, rapaz, será que daria para...

Meia hora depois:

-...E como eu ia dizendo, naquela que foi minha terceira mansão, eu mandei trocar as torneiras de prata por torneiras de ouro. As de prata mandei jogar no lixo. Ah ah ah! Voce tinha que ver a cara do pedreiro! É claro que ele queria pegar as torneiras para vender, mas eu não dei mole! Eu La tenho culpa que ele tenha feito mais filhos do que poderia sustentar? Ah ah ah! Ratos! Se multiplicam como ratos!

Uma hora depois:

-...E esta foi a trigésima vez que viajei a Mônaco, mas dessa vez eu não levei nada. Comprei tudo La mesmo, inclusive uma nova esposa. He He He! Estava tudo tão barato! Mas depois de um mês eu descartei a moça, achei uma melhor e mais em conta! A primeira já estava gasta! Eh eh eh!

-Uma hora e meia depois:

-Quinze jatos, trinta carros de luxo, dez hotéis, quatro esposas e oito amantes. Tive três presidentes da república em minhas mãos, sete governadores, generais e até mesmo altos funcionários do governo americano! O que o dinheiro não faz, não é mesmo meu amigo? Com ele adquirimos tudo o que desejamos, manipulamos as pessoas, nos promovemos, destruímos nossos inimigos, mudamos as leis e corrompemos os juízes.

No final das contas, meu caro, subornamos até mesmo Deus, através das doações que fazemos para as instituições de caridade. O senhor não viu a última revista Veja? Fui homenageado por líderes de várias religiões pelas esmolas que dei à populacha de uma favela qualquer. Nem sei qual Eh eh eh! Mal sabem eles que o dinheiro desta doação veio de “investimentos” meus na própria favela eh eh eh!... Bem, paremos por aqui! Ah ah! He he!

E você, mocinho? Alem de um hotel com sauna na recepção e com iluminação desregulada, o que mais você faz? Deve ser um novato nos negócios, não é? Me pareceu muito impressionado com o meu relato ke ke ! Alias, você nem se apresentou. Deve ter ficado surpreso em me ver por aqui. Se eu soubesse que se tratava de uma espelunca como essas não teria nem passado por perto, mas pelo menos para você deve estar sendo bom...
Está aprendendo alguma coisa comigo, não é moleque? Eh eh! Pegue um charutinho cubano, este é dos bons, deve valer um três mil. Eh eh! eh! Ah... e se quiser se dar bem nos negócios, também vai ter que falar mais duro, feito macho,por que esta sua voz suave não convence nem um anjinho, ke ke ke !
Agora quero que se apresente garoto! Fale me um pouquinho sobre você, mas não demore, pois não tenho muito tempo. Eh eh! Preciso ganhar dinheiro!

-Claro que tem tempo, meu filho! Alias, a partir de agora você terá tempo de sobra. Quanto ao seu pedido para que eu me apresente, sinto em dizê-lo, mas já venho tentando fazer isso desde que você nasceu.
 E sobre as minhas realizações...

-Mas afinal, quem é você  rapaz? E por que fica escondido aí atrás desta luz?

Quem sou Eu? Sou tudo o que você gostaria de ser:

-Ãh? Como assim? Eu sou lindo, sou rico, sou famoso, tenho os melhores carros, lindas mulheres e poder, muito poder! E você? Quem é hã? Diga!


-Eu sou Deus!

-Deus? Uau................Puxa vida! Eu... eu...Será que eu poderia lhe fazer uma humilde pergunta? É algo que me intriga desde que comecei a minha carreira profissional.

-É claro que pode!

-O que o senhor fez para conseguir chegar até aí?

-Até aqui onde?

-Até este cargo...

-Cargo?

-Sim, de Deus. É que eu também estou pensando em seguir esta carreira!


 O Zohar diz que quando uma pessoa morre, sua alma continua com as características adquiridas durante sua vida. Se era teimosa, continuará teimosa, se era generosa, assim seguirá, até absorver outros conhecimentos que a ajudem evoluir. Daqui vemos a importância de nossa vida física, pois a partir dela adquirimos feições que ficarão gravadas em nossas almas.  

Abraços! More Ventura!
Judaísmo é atitude!

6 comentários:

Lena disse...

Muito bom More Ventura!Adorei seu texto;a arrogância de muitos é notada apenas pelos humildes de coração.É fato que daqui nada se leva´...Portanto todo arrogante deve se dar conta disso ainda aqui no planeta terra e tratar de fazer o BEM MAIOR ao próximo,pois isso é o que deve se levar na bagagem do coração...

more ventura disse...

Muito obrigado minha amiga Lena.Imagina um cara "se achão" desses "se achando" para Deus... A dificuldade em perceber a luz é o verdadeiro "castigo".
Um grande abraço!

Sueli de Cássia disse...

Sabe..eu não entendo!!quando a gente morre não passamos por um periodo de purificação?,nós não nascemos puros para aprendermos com nossos pais, com a religião,com a vida assim como também temos nossa essência e isso irá moldar nossa personalidade, e quando morrremos não é o momento de revermos nossos conceitos, repensarmos nossas atitudes,pois estamos diante de Deus, precisamos mudar mesmo que depois da morte, para sermos dignos, do seu perdão, do amor de Deus, da ressureição, reencarnação,evolução espiritual!!!acho que devemos fazer isso em vida, pois temos a obrigação de sermos o melhor como ser humano, mas a cabeça da pessoas quem vai entender?

Mas ao mesmo tempo penso..que as pessoas em vida matam, roubam, destroem uns aos outros e fazem valer o ter pois o ser não tem valor algum...então no lado espiritual quando vc não tem nada a perder...vc não morre não pe cisa de comida, de estudo, nem de coisa nenhuma, sei lá será o que eles fazem..tem espiritos ruins, epiritos bons, assacinos, pessoas boas, se nome srá o mesmo do outro lado....mas eles esão diante de Deus...!!!? como assim? QUANDO EU SONHO COM ALGUÉM QUE MORREU, ELES NÃO FALAM, NÃO SEI SE OUVEM OU SE ENCHERGAM...mas fico feliz quando me dizem que quando sonho estou no de encontro com pessoas que já se foram que são especiais para mim...se for bom assim quero morrer tambem...logo logo e tambem aconcelho a outros tambem...sem contar que iremos falar com Deus frente é frente isso seria muiito bom...

more ventura disse...

Cara amiga Sueli de Cassia. Shalom.
Quando você pergunta a respeito da possibilidade de evolução das almas no mundo espiritual, o faz com razão, pois de acordo com o judaísmo, certamente la também existe evolução espiritual e emocional. Neste texto, porem, eu quis enfatizar a importância da vida física para a formação espiritual do indivíduo.
Um grande abraço e vou continuar esta conversa com você.

Mayara Duran Mello disse...

Perfeito!
Muitas vezes nós deixamos de ver o verdadeiro valor, e o que realmente vale a pena conquistarmos e cultivarmos. Temos que nos preocupar com a humildade, nos preocupar com nossos irmãos, pois de nós D'us está cuidando, através de nossos irmãos. Viemos aqui para aprendermos uns com os outros, aprendermos que todos somos iguais. Que a arrogância e o individualismo, só nos leva para solidão e tristeza!
Pois se dermos valor para algo fútil, mais para frente vamos colher decepções!

Valdemar W. Setzer disse...

Olá, Gilberto e leitores,
Quando eu estudava no Beith Chinuch, talvez com 8 ou 9 anos, tinha aula de hebraico com um professor que uma vez nos mostrou um número tatuado em seu braço: ele era um sobrevivente de um campo de concentração. Mas o que mais me impressionou foi que em uma aula ele disse que, ao nascer, um anjo nos toca na testa e esquecemos tudo o que se passou na vida passada. Quem sabe isso me influenciou a me tornar espiritualista bem mais tarde.
Sobre sua história: depois da morte, durante alguns dias vivenciamos um panorama de nossa vida (nesse ponto, a imagem da história é correta) -- a visão desse panorama é inclusive relatada por pessoas que passaram pela experiência de quase morte. Depois desse período descartamos o nosso membro não físico onde está nossa memória. Aí passamos por um período de rever nossa vida ao contrário, e aí nossas emoções e vivências são repassadas, mas sentimos aquilo que fizemos as outras pessoas sentirem (isso, e mais os desejos ligados ao mundo físico, que não podem ser satisfeitos, geraram a noção de "purgatório"). Mas depois desse período de purificação, que dura muitos anos, descartamos o nosso membro não físico onde estão gravados os instintos, paixões etc. e aí nos tornamos puro espírito, sem nada que nos ligue à Terra, passando um período até uma nova encarnação que, normalmente, acontecerá depois de várias centenas de anos.