Seguir por Email

domingo, 30 de outubro de 2011

Cadê a juventude ?


                   

Ontem eu voltei com meus filhos de viajem especialmente para ir a manifestação de apoio a israel no memorial da america latina. Nada mais justo, pois os cinquenta quilometros e alguns litros de gasolina que separam o sitio onde estavamos do memorial da america latina não são nada, se comparados com os dois mil anos regados a milhoes de litros de sangue, lagrimas e suor que nosso povo levou parareconquistar a nossa terra. 
A equação é simples:dois mil (anos) divididos por cinquenta (quilometros) é igual a quarenta, ou seja, cada um dos cinquenta quilometros que eu fizer dentro do meu carro, com musica e ar condicionado equivale neste calculo a quarenta anos de sofrimento passados por nosso povo... que moleza ! São Paulo, aí vamos nós !

Memorial da America Latina, ao lado da grande mão de cimento: aqui estamos nós, eu e meus filhos., (minha querida mulher está fazendo um curso em... ISRAEL !!!)
Olho para os lados e para frente: Tudo como manda o figurino. Em cima do palanque se encontram nossos dirigentes cumprindo seu papel de mobilizadores e organizadores, ao seu lado, como sempre, representantes de partidos politicos, (não daquele que comparou as taticas israelenses as praticas nazistas, é claro !), e rabinos, (ou um rabino só ?). No publico, o que mais me chama a atenção são os representantes de outros grupos religiosos: freiras evangélicas, (nem sabia que existia, achava que só existia freira católica !), Jews for Jesus com barbas grandes e feições nativas, um velinho aparentemente chines, (membro do jews for Jesus), de quipa e tsitsit, curiosos portando bandeiras de Israel tirando fotos com rabinos e etc. Tudo muito interessante, mas algo parece errado, sinto falta de alguem, ou de alguma coisa coisa. O que será hein ?quero procurar, algo me detem : 
-Gilberto Ventura, pensei comigo mesmo, escuta os discursos e fique quieto, nem tudo e nem todos precisam estar aqui. 
-Mas, está faltando alguem...
-Gilberto !!!
-Ta bom, vou ficar quietinho...
Não estava entendendo muito bem os discursos, talvez minha posição não era das melhores... falta de acustica adequada... então, quando meu alter ego se distraiu tentando prestar atenção no discurso, decidi dar uma escapulida:
Deixei meus filhos com minha irma e fui dar uma voltinha, olhar o publico, avaliar o numero de pessoas, sentir como estava o animo delas e procurar o objeto que me despertava tamanho sentimento de falta. 
Enquanto caminhava entre os vários conhecidos e desconhecidos, procurando sabe-se lá o que ou quem, minha cabeça trabalhava:
Do que será que estou sentindo falta ? Será que é de alguem especifico, Talvez de um numero maior de pessoas ? ou talvez a ausência do Sobel com seus discursos claros e carismáticos ?
Realmente, discursos carismáticos, (com poucas exceções), e um grande numero de pessoas não são o ponto forte de hoje, mas estes dois itens, por mais importantes que sejam, não resolvem a minha pergunta sobre o que está faltando...
Paro de caminhar, espero acabar o ato, tiro algumas fotos: o tal do chines de quipá, as freiras evangélicas o pessoal tirando fotos do rabino, como se ele fosse uma curiosidade, (e para eles era !), e depois de conversar com algumas pessoas pego meus filhos e vou...para o estadio do pacaembú.
É isso mesmo, porque quando estava a caminho do memorial, na avenida Pacaembu, ao ver um monte de gente com o uniforme do santos se dirigindo ao estadio, fiquei sabendo que haveria um jogo amistoso deste time contra a portuguesa santista e como meu filho menor é da geração diego e robinho e suas pedaladas, (me desculpem os amigos corinthianos), achei que seria uma boa idéia leva-lopara assistir o jogo, nem que fosse só o segundo tempo.
Enquanto meu filho transformava sua camiseta branca, (uniforme do ato), em camiseta do santos, colando adesivos nela, de modo a poder pagar meia entrada por estar com a camisa do time, eu não conseguia me livrar da pergunta: Quem faltou no ato ?!
-Depois de atravessar o mar de guardadores de carros e cambistas
entramos no estadio: meu filho santista deslumbrado, pela primeira vez no estadio num jogo de seu time, meus dois outros filhos são paulinos um pouco contrariados e eu... com a pergunta que não queria calar !
-Afinal, quem faltou no ato pró Israel ?
-Subimos os escadões das gerais, queria ficar nas arquibancadas, mas não dava, as passagens estavam fechadas. 
Bem, já que eu e meus filhos somos jovens, jovens de idades diferentes, é claro, podíamos agüentar a dureza dos degraus das gerais.
Bola vai, bola vem, Dois a zero no placar, e bem na hora que minha mente termina de perguntar a mesma pergunta pela enesima vez: (já estava me dando nausea !) -Quem faltou ao ato ?! Ouço a resposta chegar até meus ouvidos com uma força que me lembrou a potência do pronunciamento dos dez mandamentos no monte Sinai: a resposta vinha de todos os lados, de milhares de lados. Será que eu estava tendo uma experiencia metafisica no meio do estadio do pacaembu ? Shma Israel !
Não, não podia ser, mas era ! A resposta que ouvi era aquela que respondia a minha questao :
-Torcida joooooooveeem !!!!! torcida jooooooveeeem !!!!!
-Revelação ? Extase ? 
-Olhei ao meu redor e, baruch Hashem, aliviado, constatei que não estava tento uma experiencia metafisica e nem estava ficando maluco, estava apenas ouvindo a torcida organizada do Santos gritando seu proprio nome : "Torcida joooovem !!! " 
Enfim ! Não foi uma revelação metafísica, nem um extase, mas aí estava a resposta: 
Torcida Jovem !!! é claro ! Era isto que estava faltando em nossa manifestação ! porque quando falamos de manifestações, atos ou passeatas, logo pensamos nos gritos de ordem,(não violentos), em canções, nas pessoas se segurando pelos ombros, nos assobios e no entusiasmo. Enfim, na torcida !
Quando fazemos um ato, ou uma manifestação, queremos mudar paradigmas, no nosso caso, queremos mostrar que a história tem outro lado e que este outro lado é importante de ser ouvido. Queremos mostrar que israel não está sozinho e que as injustiças e ofensas, (como aquela pichação no tunel da avenida Pacaembu , que foi devidamente apagada, acusando israel de terrorismo), não passará impune. Queremos mostrar a todos e principalmente a nossa comunidade que não devemos nos acanhar perante as acusações injustas e que somos sim orgulhosos de sermos judeus e sionistas !
Mas qual é a força do ato sem a manifestação do publico ?
E qual é a força de manifestação do publico sem a manifestação da juventude com sua energia, união e irreverencia ?
Era isto, era isto que estava faltando:
Torcida Jovem !!!
Jovens judeus, esta história que os mais velhos dizem que o futuro é de vocês é verdade pela metade, pois isso só acontecerá se o presente também for de vocês, pois é por meio do presente que virá o futuro ! E do jeito que as coisas estão indo, se vocês não semobilizarem de fato, unindo os diferentes grupos, se preparando para manifestações como esta, e dando injeções de animo nos mais experientes, que tem a experiencia, mas não tem a energia e o poder de contagiar da juventude, pouca coisa vai sobrar para o futuro.
Pensem bem, o futuro é de vocês, mas o que vai existir neste futuro depende de como agimos no presente !!!!




Nenhum comentário: