Seguir por Email

domingo, 25 de março de 2012

Milagres Acontecem!


Guerra Santa!
Mais um sanguinário governante usando sinicamente o poder bélico e a falsa religião para manipular, através do medo e do ódio, enormes multidões, impondo sobre elas sua visão de mundo megalomaníaca e cruel.
Mais um anjo da morte apontando suas sangrentas e mortíferas armas para a população civil de Israel, não se importando em distinguir soldados de idosos e de indefesas crianças de colo.
Qual será o resultado? Um massacre? Um banho de sangue?  
Mísseis preparados.
Discursos inflamados disparados.
Alianças costuradas.
Corações disparados.
Respirações ofegantes e um botão apertado: Fogo!
Dez botões apertados:
Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo!
Vinte:
Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo!
Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo!
Trinta:
Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo!
Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo!
Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo! Fogo!
Trinta e nove vezes o botão fora apertado...
E o resultado: Pânico! Incêndios! Ruínas! Fumaça e...

1-    ...Uma pobre mãe chorando, encontrando forças para continuar viva, pelo menos até o enterro do filho.
Seu bebê estava no abrigo subterrâneo quando este fora atingido por um míssil. Ela escapara, mas o bebê ficara soterrado. Agora, só lhe restava achar o cadáver e enterrar o fruto de seu ventre.

2-    ...Um prédio com centenas de moradores fora atingido por um míssil. Os moradores haviam sido avisados de que não deveriam descer ao abrigo subterrâneo, pois havia suspeita de que o míssil abrigasse componentes químicos letais. No final, o prédio e seu bunker foram ambos destruídos.

3-    ...Uma das grandes centrais de gás de Tel Aviv fora atingida por um míssil. O resultado foi obviamente indescritível.

4-    Dezenas de prédios e casas foram destruídos, escombros e ruínas para todos os lados, hospitais lotados e... e o bebe.....

O bebê foi achado e ele estava vivo!
Como assim?
Uma das colunas que sustentavam a casa onde o bebê se encontrava, se soltou com o abalo causado pelo míssil, caindo justamente sobre o batente de aço da porta do bunker, que também se soltara com a explosão, formando uma perfeita cobertura, a qual protegera o bebê até a chegada dos bombeiros que sob as palmas e lágrimas dos curiosos, o devolveram à exultante mãe!

E os moradores do prédio?
Se salvaram por um erro:
-Minutos antes do soar da sirene alertando sobre a iminente chegada do míssil, um boato enganoso, dizendo que os moradores deveriam descer ao bunker fora espalhado. Ao constatarem que este estava trancado, os aflitos moradores, se refugiaram no bunker do condomínio vizinho, que escapara da mortífera explosão.

-E a central de gás?
Dias antes de ser atingida, a central havia sido fechada para reformas, justamente por ter sido alvo de um vazamento. Por isso o estrago causado pelo míssil fora mínimo, indescritível perto do que teria sido se o gás não tivesse escapado!

Em relação as casas destruídas, ruínas e hospitais lotados, devo afirmar que tudo isso realmente aconteceu, porem as mortes e o banho de sangue previstos foram evitados nestes e em dezenas de outros casos que não cabem nesta página, pelas mesmas mãos que trancaram a porta de acesso do bunker do prédio atingido, que fizeram vazar o gás na central de Tel Aviv, dias antes do ataque e que apoiaram a coluna sobre o batente da porta salvando o pequeno bebê.

E aí, meu amigo? de quem você acha que são estas mãos?

Do mesmo autor do versículo bíblico que cita as últimas palavras do Faraó, antes de se afogar no Mar vermelho, após este se fechar sobre ele e sobre seus soldados!
Veja com seus olhos:
“E disse o inimigo, perseguirei, alcançarei, dividirei os despojos, meu espírito se encherá deles, desembainharei minha espada...”
Este versículo, segundo a nossa tradição, contem vários segredos sobre a história do povo judeu:
Um deles está nas letras iniciais de suas palavras:

As cinco primeiras letras de suas 5 primeiras palavras, coincidem: São todas Aleph, que pode ser compreendida também como Eleph, significando 1000. Somando as, temos o número 5000.

A sexta palavra deste versículo começa com a letra shin, que representa o número 300, a sétima começa com a letra tav, que vale 400, a oitava começa com Nun, que vale 50e a nona começa com Aleph, que aqui é contada por seu valor convencional: 1.

No total, somando as letras iniciais das palavras deste versículo, que fala sobre a salvação do povo de Israel das mãos do Faraó, obtemos o numero 5751, que é o número do ano da primeira guerra do Iraque, situação na qual todos os milagres citados anteriormente aconteceram!

E quer mais? Este código de letras que somam o número do ano de 5751, terminam justamente na palavra desembainhar, que em hebraico se diz Arik. Trocando a ordem das letras desta palavra, que palavra obtemos? Irak! O nome do país do agressor da vez!

Alem dos fatos que contei, muitos outros marcaram esta guerra, um deles foi o numero de "morto", diretamente por causa de mísseis - Apenas um - foram 39 mísseis! -  e a insistência de vários grandes rabinos em repetir que o lugar mais seguro do mundo continuava sendo Israel e que ali nada aconteceria.

Mais uma "coincidência"? 
No mesmo dia que marcara a rendição por parte do Iraque, nós comemoramos um salvação muito mais antiga e na minha opinião, menos miraculosa: A da história de Purim!
Adivinhem como festejamos em Israel a festa de Purim daquele ano?
Com as mascaras anti gás letal, usadas dias antes daquela nossa vitória sobre mais um derrotado Aman!

More Ventura! Judaismo é Atitude e Fé!


Ps: Que tenhamos muitos milagres, sem precisarmos de guerra!
      Que vivenciemos e participemos do maior e do mais esperado milagre da história: O estabelecimento Eterno da Paz entre os Seres humanos!

5 comentários:

FABIOTV disse...

Olá, tudo bem? Assisti a sua participação no programa Le Haim, na TV Aberta.. Pena que as falhas técnicas interromperam a transmissão do programa. Abraços, Fabio www.fabiotv.zip.net

Jean Diamant disse...

nos temos Israel pra defender os judeus!!!kuando sentamos e não fazemos nada morrem 6 milhoes...eu axo ke judaismo é atitude,esta na hora de tomarmos uma atitude e sempre contar com ELE e seus milagres....mas sentados nao ficaremos ...não podemos !!!

Rbecca Mendes disse...

Uma guerra muitas vezes inevitável,mas sempre com consequências que deixam marcas seja e qual lado estivermos.
Que o Eterno nos guarde e nos abençoe !

Jack esposa disse...

Gil realmente um homem com meritos maravilhosos!

Apolo Silva disse...

O Eterno é verdadeiramente o Deus que se oculta, mas se revela aos que nele esperam!

Baruch HaShem HaM'vorach Le'Olam va'Ed!